Minuto MS

25º

Três Lagoas/MS

13 de dezembro de 2019 sexta
29/11/2019 - 03:11:50

Racismo, conscientização e enfrentamento é tema de reunião do grupo Protege Brasilândia

Reunião foi realizada na última quinta-feira (28), na sede do CRAS

Assessoria/ Fotos: Divulgação

projeto
Os beneficiários do Programa Protege Brasilândia participaram na tarde da última quinta-feira (28), na sede do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), da reunião mensal com o grupo.  A ação tem o apoio da Prefeitura de Brasilândia por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social.

Em visibilidade ao Dia da Consciência Negra, lembrado no último dia 20 de novembro, a equipe convidou a professora Jenifer Ragnaroni, na qual falou com os participantes sobre o tema: “Racismo, conscientização e enfrentamento”. Os beneficiários puderam se interagir e participar do assunto debatido.

Além disso, as técnicas de referência do CRAS reforçaram para todos os sobre os critérios de inclusão e permanência do Programa Protege Brasilândia.

PROTEGE BRASILÂNDIA

O público alvo do Protege Brasilândia é para o atendimento e atenção às famílias carentes, idosos, pessoas com deficiência, defesa da criança e do adolescente, gestantes, nutrizes e crianças menores de sete anos de idade em situação de vulnerabilidade social.

Para receber o atendimento, é necessário que a família seja integrante do cadastro único da Secretaria Assistência Social e poderá ser beneficiária de outros programas federais ou estaduais cujo auxilio seja insuficiente naquele momento.

Para saber mais sobre o programa, os interessados poderão se dirigir ao CRAS, localizado na Avenida São José, próximo ao ESF II, no Loteamento José Rodrigues da Silva, ou na sede da Secretaria Municipal de Assistência Social, na rua Bartolomeu Viana Cavalcante, 1035, bairro Jardim Camargo, e levar os documentos pessoais e, se possível, o número do seu CAD Único.

« voltar para home