Minuto MS

25º

Três Lagoas/MS

11 de dezembro de 2018 tera
05/12/2018 - 02:12:32

Saúde orienta moradores do Residencial Montanini sobre prevenção de doenças

Equipes alertaram famílias sobre prevenção de animais peçonhentos, dengue, leishmaniose, chikungunya e febre amarela

Assessoria - Foto: Divulgação

Saude no Montanini 4 c
A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio da Diretoria de Vigilância em Saúde e Saneamento, numa ação conjunta com a unidade de Estratégia de Saúde da Família – ESF Interlagos, realizou ação de orientação e prevenção de doenças, no Residencial Montanini, na manhã desta terça-feira (04).

O Residencial Montanini está localizado na área de abrangência da ESF Interlagos, por isso esta ação contou também com a participação da coordenadora desta Unidade de Saúde, enfermeira Fabrícia Tatiane da Silva Zuque Lemes.

A coordenadora da ESF Interlagos, na visita de casa em casa do Residencial Montanini, estava acompanhada de uma equipe de Agentes Comunitários de Saúde, que atendem essa área urbana, assim como uma equipe de Agentes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

Coube à equipe do CCZ a orientação sobre a posse responsável de animais de estimação, principalmente, no que diz respeito à guarda do animal, vacinas e aos cuidados com a prevenção de doenças.

A finalidade desta ação, direcionada diretamente aos moradores, foi orientar as famílias sobre prevenção de doenças, como dengue, chikungunya, leishmaniose e febre amarela, assim como a prevenção e cuidados que devem ter com animais peçonhentos, especialmente, cobras, aranhas e escorpiões.

Nesta ação, como informou a diretora de Vigilância em Saúde e Saneamento da SMS, bióloga Georgia Medeiros de Castro Andrade, foi dado o alerta sobre os perigos de doenças e da responsabilidade que todos temos na localização e eliminação de tudo o que seja favorável à proliferação de mosquitos e animais peçonhentos.

“É importante que todos participem destas ações de enfrentamento à dengue e outras doenças, mantendo sempre limpos os quintais e o interior das casas”, orientou.

Nas campanhas realizadas periodicamente pela SMS, é sempre ressaltada a importância de “cada um fazer a sua parte, porque a guerra contra o mosquito não pode parar”.

« voltar para home